Postagens

Mostrando postagens de Março, 2013

os minutos

Imagem
Fim de tarde de um domingo de um feriadão e encontro-me com várias tarefas que não foram cumpridas a me esperar, penso, tento sistematizar as atividades na minha cabeça, mas logo em seguida adio os deveres pra "mais tarde", então crio coragem organizo algumas coisas e paro novamente. 
É tudo uma questão de definir prioridades e se dispor a cumpri-las. Os minutos estão passando e tento calculá-los e dividi-los entre as tarefas pra tentar corrigir a irresponsabilidade da minha inércia dos outros dias, em vão claro, pois tenho certeza que quando à noite chegar minha consciência vai me gritar: - relaxa, tu é jovem! 
E vou esquecer de tudo que tinha pra fazer, então me condeno mais uma vez, NESSE MOMENTO, olho para o relógio e percebo que ainda existem "milhares" de minutos até a hora de eu encostar minha cabeça no travesseiro, então hospedo mais uma vez a esperança em mim de manter a disciplina, pois se antes de eu dormir eu conseguir fazer tudo que me propus a fazer no …

o preto.

Imagem
O preto gosta da preta sem juízo e vice-versa. O preto chama ela de linda e chata ao mesmo tempo e ela gosta de se sentir chata e linda toda vez que ele fala. A preta desde que teve que ir embora não aguenta de tanta saudade, ela tá começando a achar que vai ficar doente de tanta tristeza porque é difícil ser tão bem cuidada, acordar com cheiro no cangote e abraço apertado em um dia e no outro, olhar pro lado e só ter por perto as tarefas revolucionárias de sempre, não que ela não goste, mas é mais fácil mudar o mundo de dia e descansar ao lado de um preto cheiroso à noite. A preta pensa nele toda hora e ele diz que pensa nela também e de tanto pensar eles acabam trocando juras de amor de cinco em cinco minutos só pra garantir que esse amor dure mais uma hora, mais um dia, ou um mês, eles ainda não sabem desse negócio de tempo, enquanto isso vão jurando. A preta tá ficando agoniada porque o preto tá longe demais e talvez demorem pra se encontrar mais uma vez, mas o preto acalma o cora…

"o que a vida quer da gente é coragem"

Imagem
Já dizia Guimarães Rosa: "O correr da vida embrulha tudo. A vida é assim: esquenta e esfria,aperta e daí afrouxa, sossega e depois desinquieta. O que ela quer da gente é coragem".
Coragem pra levantar de manhã cedo sem saber o que o mundo guarda pra você, coragem pra defender com unhas e dentes o que você acredita, coragem pra pedir desculpas quando se está errado e dizer que ama sempre que puder, coragem pra mudar de opinião e atitude quando as coisas também mudam.
A vida quer da gente coragem pra viver a vida!







Quando os cristais quebram.

Gosto muito de muita gente. Quando falo muita gente é muita gente mesmo. São pessoas totalmente diferentes umas das outras, mas não é a diversidade das características que faz a diferença pra mim, mas o quanto elas me cativam. E sou uma pessoa muito "cativável" (neologismo?), as pessoas me atraem, acho que o que mais gosto de fazer é conhecer pessoas, conversar e saber da história delas e principalmente, contar as minhas (são infinitas). Mas como tudo não é perfeito, as pessoas às vezes me decepcionam, ou então o problema sou eu que projeto pessoas que na verdade nunca existiram e elas se tornam tão, mas tão desinteressantes. Com a mesma intensidade que eu gosto, desgosto, simples assim! E como diz uma música de forró "cristal quebrado não cola jamais".

dou mesmo.

Dar é isso mesmo que você tá pensando. Dar, sentir prazer, gozar. Dou mesmo. Dou depois de algumas ligações e algumas mensagens no celular, dou no primeiro, ou segundo encontro, na verdade isso pra mim depois da "primeira vez" nunca fez muita diferença. A diferença tá na minha vontade, somente. Dou mesmo porque o corpo é meu. Dou  porque sou livre e tava afim de dar, dou porque sou cachorra, vadia, fácil e principalmente, dona dos meus atos e dentro de mim eu sei o que sou. O tempo é curto e a vida passa muito rápido, se eu fosse você, eu dava também! É, sai dessa de ser reprimida, menina, se tá com vontade, se joga.

o que devemos ler.

Quem tem o hábito da leitura se torna uma pessoa melhor, quem lê muito aprende a  escrever melhor e a interpretar textos com mais agilidade. Temos que ler de tudo, sobre gramática e ortografia, geografia, história, coisas básicas e também sobre política, meio-ambiente, notícias do dia dia que são assuntos muito importantes pra fundamentar nossos argumentos e construir nossas opiniões. 
É bom também ler fofoca, site de putaria, ou aquelas páginas idiotas na redes sociais, esse tipo de leitura faz a gente relaxar, sorrir, passar o tempo. Ler também o evangelho, poemas e poesias alimentam nossa alma, faz com que a gente ache a vida mais bonita, as coisas e as pessoas. 
Estudar e pesquisar sobre as doenças no corpo humano, ou dos animais, sobre urbanismo, ou a teoria das fórmulas de física deixa a gente mais culto, verdadeiros intelectuais. Mas quer saber? Ler isso tudo aí é fichinha, difícil é conseguir ler no rosto das pessoas alegria, angústia, tristeza, sofrimento, dúvida, desespero e s…

91ª turma da FENSG

Minha turma do curso de enfermagem é bem engraçada, doida na verdade. Nem sei mais quantas somos agora, por que alguns já ficaram pelo caminho pra seguirem outro destino. Mas somos todas mulheres e um único homem, quer dizer, menino (não me mate). Somos um pouco divididas em grupos, se bem que faz um tempinho que essa configuração vem mudando, estamos bem diversificadas na verdade, isso é bom, estamos interagindo com grupos que antes não era "o nosso". 
Eu e uma amiga fazemos a avaliação que foi a última festa que uniu a turma, uma festa de piriguete que a comissão de formatura organizou com o tema "La Conga", a sugestão foi da mais piriguete da sala né? Inclusive ela conquistou esse título durante a festa (te adoro, quenga). Foi preciso uma festa de piriguete pra gente descobrir que todo mundo pode se divertir, pode beber e dançar juntas, depois pode até falar mal uma das outras (continuar falando mal), mas nada como uma pequena dose de hipocrisia pra resolver es…

PAZ

Paz é acordar cedo, dormir tarde, não comer direito e se sentir realizada ao final do dia apesar do cansaço. É quando a gente tem plena consciência que tem muita coisa errada no mundo e que a gente não vai conseguir deixa-lo do jeito que a gente quer, mas mesmo assim a gente continua tentando fazer a diferença com brilho nos olhos. Paz é quando tenho um monte de tarefas na minha agenda e de repente olho meu celular e vejo a foto da minha afilhada quando tinha dois anos sorrindo pra mim. Paz é um estado de espírito que parece que a felicidade chegou dentro da gente e ao invés de você dar mil pulos de alegrias você apenas se sente bem. Estou em paz.

intolerância

Um dos primeiros textos do meu blog se chama "suspeito que seja apenas falta de amor", um texto tão bobo e ingênuo quando os meus sonhos que carrego na alma, coloco que o problema de violência, desigualdade social etc, seja a falta de amor mesmo, que já é muito grave, mas ando percebendo o quanto as pessoas estão intolerantes e sem educação. 
Como pode, matar gente por motivos tão banais? Matar uma mãe que tem um filha que tem uma avó que tem um marido que tem outro filho que ficou sem a irmã porque alguém simplesmente decidiu fazê-lo. É de nos deixar sem vontade de viver, é de nos deixar com vontade de desistir da vida. As coisas estão sem sentido. 
E de repente, andando sozinha na rua pensando que tudo perdeu o sentido, encontro uma criança de uns três anos de idade, sorrindo tão linda, então começo a sorrir também. Ela me fez sentir uma esperança tão grande de que as coisas podem melhorar que por um segundo esqueci das pessoas mal educadas e intolerantes. Benditas são as cr…

Família DCE UPE

Imagem
Que prazer em falar do DCE, inclusive nos últimos meses nada me deixa mais feliz e realizada do que viver a gestão dessa entidade com tanto amor e dedicação. Sabe como eu me sinto? Como uma mãe! 
Cada um que hoje tá junto comigo é como se eu tivesse dado a luz naquela conversa que eu convenci a entrar nessa e que hoje eu vejo crescendo e crescendo e me dá um orgulho danado e como uma mãe, sou surpreendida pela inteligência e capacidade dos meus filhos em renovar, em ser mais ousados. Tô muito feliz! 
Digo que estou apaixonada pelo DCE, pois é, por ele e por quem tá comigo, durmo e acordo pensando nessas coisas, acho que vou enlouquecer, mas acho que é isso, o segredo é amar o que faz, amar as escolhas, ter responsabilidade, vamos em frente que tá bonito.

ao estranho que mora sozinho.

Eu nunca vou conseguir me entender, eu acho que nunca vou saber se tô apaixonada de verdade ou se não é nada demais. Até um dia desses eu tava com saudade, pensando, imaginando como seria te reencontrar, lembrando do gosto de café e cigarro da tua boca e um dia desses eu te encontrei de novo. 
Enquanto estive com você só faltei morrer de tédio não via a hora de ir embora, devo confessar que apesar do tédio torturante eu me sentia bem, acho que era minha vaidade que me mantinha bem ali (não precisa entender essa parte). Diferente de outras tantas vezes, saí de lá sem a menor vontade de voltar, sem vontade de ligar, de mandar mensagem. Esse meu desapego ainda vai me matar. 
Não sei o que houve, acho que o tempo que passou serviu pra me mostrar que tua ausência não faz a menor diferença na minha vida e que migalhas por migalhas eu prefiro migalhas com menos vaidade, mais sentimento sincero, mais carinho, não é difícil conseguir por aí, o mundo é muito grande. 
Tão estranho e tão sozinho, é …