Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2016

amor só de muito

Imagem
Ou quente, ou frio, sem mornices. Paixão pra mim se apresenta assim, ou é com força e vontade, ou é apenas mero passatempo. Até que às vezes o tempo passa e o frio se faz quente, sem passar pela mornice.
Não tinha paixão, tinha passatempo, virou paixão sem saber. Pode acontecer? Pode. Já o amor, ah, o amor só presta se for de muito e amor é construção, tem que ter peito de remador, como diria o poetinha, "para viver um grande amor". 
Paixão quente é pressa, é agonia, é impulso, é arrebatamento, é intensidade, é promessa pronta, é vontade. Amor de muito é construção diária, é paciência, é cuidado, é cultivo, é leveza, é presença. Paixão só serve quente e amor só de muito.
Paixão é vontade descontrolada de estar perto e passar por cima de horários e compromissos pra resolver. Amor é respeito ao espaço do outro ainda que com vontade de estar junto. A paixão é insana, o amor é racional.
O apaixonado não sabe o que quer, quer qualquer coisa, quer tudo, quer agora, quer já. O amor que…

para além da paixão

Imagem
Falavam sobre o amor entre os casais ao redor do mundo, na china, no paraná e em araripina - sertão de pernambuco - entre os casais das imediações também, como os amigos próximos, foi quando ela perguntou sobre um casal específico: - eles se amam? ele respondeu: - se amam, mas depois pensou um pouco e disse: - não sei muito descrever o que é o amor. Ela achou aquilo poético e profundo e ficou se perguntando qual seria a definição que cabia ao amor, amor é amor, talvez de fato ele fosse incapaz de descrever o amor porque amor não cabe em definições, não existe sentido literário, tem coisa que é de comer, tem coisa que é de sentir.
Ela, por exemplo, sentia várias coisas por ele, foi descobrindo aos poucos prazeres que jamais tivera coragem de descobrir antes, mas se permitiu. Descobriu a emoção da ligação no final do dia pra compartilhar as conquistas e atropelos diários, não como já tinha feito antes e fazia sempre com qualquer pessoa, mas com ele, que entendia ela, que entendia aquela…